10 alimentos inflamatórios a evitar

Compartilhe esse artigo!
Por  Equipe Onique  |  Publicado em 04 de maio de 2017 | Atualizado em 03 de agosto de 2018

Alimentos Inflamatórios: saiba como a alimentação influencia na inflamação do organismo

Corredores estão sempre lutando contra lesões, uma inflamação pode colocar tudo a perder. Quando ela chega à fase crônica, o risco de “ficar de molho” por um bom tempo é grande.

Os remédios, especialmente os anti-inflamatórios, podem aliviar as dores. Mas, se não houver mudanças no estilo de vida, não adianta. Reduzir o estresse, dormir bem e, claro, correr, podem ajudar. Mas, mudar é hábitos alimentares ruins é crucial.

Conheça 10 alimentos inflamatórios a evitar

1. Batata frita

É difícil trocar batata frita por salada, mas seu corpo agradecerá toda vez que você fizer isso. Frituras de qualquer tipo devem ser evitadas, até mesmo aquelas, aparentemente, menos ofensivas como peixe frito e frango empanado frito são prejudiciais à saúde.

2. Pão branco

Alimentos com muita farinha refinada como, por exemplo, o pão branco, produzem sinais pró-inflamatórios como citocinas. E o pão branco não é a única fonte de farinha refinada a se evitar, outras fontes são bolos, tortas e biscoitos.

3. Creme no café

O maior problema do creme é a gordura trans, que pode estimular a inflamação. E não é porque o rótulo diz que o produto é “0% de gordura trans” que você está seguro; as empresas podem usar isso desde que o item contenha menos de 0,5 g de gordura trans por porção.

Não que essa quantidade vá representar um sério risco à sua saúde, mas pode estimular ações inflamatórias.

Uma dica para saber se um produto tem ou não gordura trans é verificar se na lista de ingredientes consta o óleo parcialmente hidrogenado, ele é código para gordura trans.

4. Donuts

Farinha refinada combinada com muito açúcar é uma forma certeira de fazer com que o seu corpo produza sinais inflamatórios. Tome cuidado com outros produtos de padaria, como cookies e bolos.

5. Aquelas taças de vinho a mais…

Enquanto alguns pesquisadores sugerem que uma pequena dose de álcool pode acalmar um pouco a inflamação, está claro que quantidades extras vão provocar mais inflamação.

6. Bolachas salgadas

Mesmo as rotuladas como “multigrãos”, um título aparentemente saudável, mas que na verdade não trazem benefício algum ao organismo já que essas bolachas tendem a ser altamente processadas e carregadas de farinha refinada, açúcar e gordura trans.

Muitas vezes, elas também têm óleos, como o de soja e milho, que são ricos em gorduras ácidas ômega-6, que podem contribuir para inflamações.

7. Cereais matinais

Alguns são saudáveis, mas muitos são mera sobremesa. Sempre que possível opte por aqueles com pouco açúcar, de grãos não processados e com maior volume de fibras.

8. Bacon

Apesar de a gordura saturada ter sido alvo de notícias positivas nos últimos tempos, não há sinal verde paro ingerir bacon. Não somente pelos danos as artérias como também por seu poder de estimular a inflamação.

9. Barra de cereal

Seja cuidadoso ao comprar barras de cereal. Muitas delas têm grandes quantidades de açúcar. Escolha as opções com menos de 8 g de açúcar e com uma lista de ingredientes que você de fato entenda saiba do que se trata.

10. Iogurte com sabor

Iogurte natural é normalmente um tipo de alimento aprovado para dietas, mas, quando você começa a adicionar sabores de fruta, o problema aparece.

Eles geralmente possuem grandes quantidades de açúcar e aditivos conservantes que podem estar listados como xarope de arroz, agave, etc. A melhor escolha é optar pela versão natural e acrescentar mel e frutas frescas.

Os dois últimos itens da lista acima foram, inclusive, mencionados em um de nossos artigos como alimentos que pensamos contribuir para o ganho de massa muscular, mas que, na verdade, não passam de impostores. Clique aqui para le-lo.[vc_row css=”.vc_custom_1478024067242{margin-right: 5px !important;padding-top: 15px !important;padding-right: 20px !important;padding-bottom: 25px !important;padding-left: 20px !important;background-color: #f1f5f8 !important;border-radius: 4px !important;}”][vc_column width=”1/6″ css=”.vc_custom_1467746880870{margin-right: -30px !important;}”][vc_single_image image=”12514″ img_size=”full” alignment=”center” style=”vc_box_circle_2″ onclick=”custom_link” link=”https://oniquenutrition.com/blog/sobre/”][/vc_column][vc_column width=”5/6″]

Não perca mais nenhum post!

Assine nosso blog e receba novos posts diretamente em seu e-mail.