O que comem os atletas de elite?

Compartilhe esse artigo!
Por  Equipe Onique  |  Publicado em 01 de março de 2017 | Atualizado em 03 de agosto de 2018

Atletas de elite: como diria Sergio Chapelin ” – O que comem? Onde vivem? Como conseguem abrir mão de tanta comida gostosa? Tudo isso e muito mais, sexta no Globo Reporter.” Rs.. Brincadeiras a parte, iremos abordar hoje como é a alimentação de atletas de elite.

Quem nunca ouviu a expressão “Somos o que comemos”?

Quando falamos de atletas de elite, a nutrição funciona desta forma: comida de verdade, alta densidade nutritiva, quantidades calculadas estrategicamente com base em análises individuais e suplementação alimentar adicional.

Confira como é a dieta de alguns dos principais atletas de elite em suas modalidades:

Paula Radclife

Maratonista mais rápida da história. Na sua dieta não faltam grãos, os preferidos são o arroz e a aveia. Sempre consome uma banana antes de correr e depois do treino; mix de castanhas, especialmente amêndoas; salmão e outros peixes e, não dispensa o chocolate amargo, que é rico em flavonoides e ferro.

Mo Farah

Campeão mundial e olímpico e especialista nos 5.000 e 10.000 metros, o atleta capricha no café e nos cereais (flocos de milho são seus favoritos), que dão energia suficiente para aguentar o dia.

Costuma fazer pequenas refeições ao longo do dia em vez de almoçar ou jantar, mas quando almoça prefere massas com vegetais e frango grelhado. Um prato a que ele não resiste e come de vez em quando? Um bom hambúrguer!

Christine Ohuruogu

Velocista, campeã olímpica especialista nos 400 metros rasos, não dispensa um bom café da manhã inglês, com o tradicional bolo e, acredite, milk shakes.

Iogurte e nozes também não faltam. Para jantar, quinua ou cuscuz acompanhando carne e vegetais. Carrega sempre barras de proteína para os lanches e toma shakes para turbinar a dieta nos intervalos e no pré-treino.

Conceição Oliveira

Considerada uma das melhores atletas de elite de corrida de fundo do Brasil, Conceição Oliveira é vice-líder do ranking nacional de corredores da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt).

A atleta mantém uma dieta normal, sem exagero e, na maior parte do tempo, “limpa”. Mas é conhecida por apostar em um cuscuz de arroz antes dos treinos, para ter energia para as passadas.

Marílson dos Santos

Um dos maiores fundistas da história do Brasil, Marílson não abre mão dos alimentos naturais. Frutas, especialmente banana, pera e maçã, são suas preferidas.

O prato de que mais gosta é o macarrão à bolonhesa. “Costumo comer de tudo um pouco, nunca fico focado em um tipo de alimento. Como até aqueles que dizem fazer mal, como as frituras. Mas, claro, como de vez em quando. Só não fico sem o que tenho vontade.”

Adriana da Silva

A maratonista paulista tem uma receita potente para recuperar as suas energias depois de correr: banana com paçoca. “Geralmente, após um longão, um prato de banana com farinha de paçoca cai muito bem. A mistura combina e fornece muita reposição de energia. Corto a banana em rodelas, misturo com a farinha de paçoca e coloco um pouco de açaí. Fica sensacional”.

Usain Bolt

Na infância, Bolt cresceu comendo inhame, tradicional na Jamaica, e até pouco tempo atrás não tinha uma dieta muito planejada.

Hoje, segue uma orientação nutricional mais séria e passou a comer mais vegetais e proteínas. Ele não resiste a asas de frango, seu prato preferido, e faz quatro refeições diárias, com quantidade suficiente para ter energia para o treino e garantir uma digestão rápida.

Solonei Silva

Primeiro maratonista classificado para os Jogos do Rio, Solonei é fã da simplicidade: adora arroz, feijão e ovo frito, mas sabe que precisa caprichar nos nutrientes da alimentação. “Hoje em dia, consumo muito arroz integral, saladas, legumes e peito de frango”, conta o atleta, que sempre tem na mochila um pouco de maltodextrina, barra de cereal ou proteína e uma banana para o intervalo das refeições.

Não é possível virar um atleta olímpico da noite para o dia ou ter um desempenho parecido com o de Bolt ou Dennis Kimetto (atual recordista mundial da maratona), mas conhecer um pouco sobre a nutrição dos campeões serve como inspiração para uma alimentação melhor e mais saudável.[vc_row css=”.vc_custom_1478024067242{margin-right: 5px !important;padding-top: 15px !important;padding-right: 20px !important;padding-bottom: 25px !important;padding-left: 20px !important;background-color: #f1f5f8 !important;border-radius: 4px !important;}”][vc_column width=”1/6″ css=”.vc_custom_1467746880870{margin-right: -30px !important;}”][vc_single_image image=”12514″ img_size=”full” alignment=”center” style=”vc_box_circle_2″ onclick=”custom_link” link=”https://oniquenutrition.com/blog/sobre/”][/vc_column][vc_column width=”5/6″]

Não perca mais nenhum post!

Assine nosso blog e receba novos posts diretamente em seu e-mail.