Benefícios do cloreto de potássio

Compartilhe esse artigo!
Por  Equipe Onique  |  Publicado em 05 de julho de 2019 | Atualizado em 05 de julho de 2019

O cloreto de potássio é um nutriente usado na indústria química, farmacêutica e alimentícia para diversos fins. No nosso organismo, é usado para suprir a deficiência de potássio e atuar em diversos papéis no sistema nervoso, na contração do músculo cardíaco, esquelético e liso, na produção de energia, na síntese de ácidos nucleicos, na manutenção da pressão arterial e na função renal.

O nutriente é um dos principais componentes das nossas células. Exerce um papel essencial em muitas das funções mais importantes de nosso corpo, tais como contração muscular, condução nervosa, frequência cardíaca, produção de energia e síntese de ácidos nucleicos e proteínas.

Cloreto de potássio: benefícios

Aliado do coração

A dupla sódio e potássio é essencial para a contração muscular e, por isso, ajuda a manter o ritmo cardíaco normal. A ausência de sódio pode levar a uma arritmia cardíaca.

Equilibra a quantidade de água no organismo

O sódio age retendo os líquidos no organismo, enquanto o potássio provoca a excreção da água. Assim, quando há o equilíbrio entre os dois, ocorre também o equilíbrio da quantidade de água no corpo, permitindo que as funções do organismo ocorram corretamente.

Regula a pressão arterial

O excesso de sódio favorece o aumento da pressão arterial. Com a ingestão de boas quantidades de potássio há o equilíbrio entre os elementos. O potássio exerce um efeito positivo no tônus vascular contribuindo para a redução da pressão arterial.

Deficiência de potássio

Os sintomas da deficiência de potássio são fraqueza muscular, câimbras, fadiga, alterações cardíacas, anorexia e apatia mental. A causa mais comum do quadro de hipocalemia, deficiência de potássio, é a perda excessiva de potássio na urina, causada pelo uso de medicamento diurético. Vômitos e diarreias também podem levar à baixa quantidade de potássio no sangue a partir do trato digestivo.

Cloreto de potássio: como consumir?

Comprimido

A forma mais comum de usar cloreto de potássio é na forma de comprimidos. Normalmente, a recomendação para o tratamento de hipocalemia em adultos é de 20 a 100 mEq de 2 a 4 vezes ao dia. Geralmente, os comprimidos apresentam 20 mEq por drágea, mas é possível encontrar dosagens mais baixas. Não é recomendado tomar mais do que 20 mEq em uma única dose.

Para a prevenção de hipocalemia, a dose indicada é de 20 mEq por dia. Já para o tratamento da hipocalemia, a dosagem indicada pode variar de 40 a 100 mEq por dia ou mais dependendo do seu caso.

Também é possível encontrar o cloreto de potássio em pó, que é usado como substituto do sal e também pode ser dissolvido em água para tomar por via oral.

Injeção intravenosa

Considerado como uma injeção essencial em qualquer estabelecimento de saúde, a injeção de cloreto de potássio é usada em situações emergenciais ou em casos de deficiências muito graves do mineral.

As injeções só são indicadas em casos extremos em que é preciso aumentar a disponibilidade de potássio no sangue imediatamente e só devem ser aplicadas por um profissional em um hospital.

Alimentos ricos em potássio

Abóbora, batatas com casca, espinafre, lentilhas, brócolis, abobrinha, feijão branco, couve de Bruxelas, melancia, laranja, banana, melão, leite e iogurte.

Suplementos que utilizam cloreto de potássio

O cloreto de potássio é um nutriente que também pode ser utilizado para em suplementos alimentares, seja como ingrediente principal, seja como ingrediente secundário para agregar ainda mais benefícios ao produto, como é o caso do Unique Whey da Onique Nutrition, que possui cerca de 0,1% do nutriente em sua composição.

Não se esqueça de compartilhar este post!

Artigos Relacionados

Não perca mais nenhum post!

Assine nosso blog e receba novos posts diretamente em seu e-mail.